Menu

The Blogging of Freedman 392

geminigrass0's blog

Avon Ganha Pela Estreia Da Categoria Maquiagem

Google Lança 18 Especializações Gratuitas Em Português Com Apoio Da Kroton


Imagine uma loja virtual cuja página inicial (home) tem vitrines que sabem quem você é, o que você procura e o que você neste momento comprou. Sonhe entrar em uma página de produtos e perto com aquele item visualizado há vitrines que demonstram produtos relacionados, produtos que foram comprados em conjunto com aquele e produtos que são exatamente o que você pesquisa. Sonhe fechar uma compra e se deparar com mais uma vitrine personalizada… Imediatamente pare de sonhar e bem vindo ao E-commerce 3.0, o novo e-commerce que conhece cada freguês individualmente, que envolve, que vende mais!


O comércio eletrônico é um dos setores da economia que mais crescem no Brasil. Apesar da taxa de desenvolvimento acelerado, é acontecimento que o setor ainda tem muito pra crescer e, mais relevante, ainda vende insuficiente e mal. Pra entendermos como vender mais e melhor, é preciso antes entender o ecossistema do comércio eletrônico. A Oratória E O Sucesso Profissional E Acadêmico -se de um meio ambiente enorme e complexo, envolvendo comparadores de preços, e-mail marketing, ERP/backoffice, logística, redes sociais, meios de pagamento online, segurança, web analytics, plataformas de e-commerce, Seo (search engine optimization)/SEM e ferramentas de conversão. Ao pesquisar os ecommerces brasileiras, é percebível a necessidade de doar um passo rumo à maturidade e à diferenciação.


Percebe-se uma boa efetivação nas ações habituais, desde as relacionadas à logística até A Peça Fundamental Pela Estratégia De Marketing Digital em buscadores, comparadores e redes sociais. Não obstante, existe um elo perdido nesta cadeia que são as ferramentas de conversão, isto é, uma vez que o usuário entrou na sua loja, é necessário vender pra ele!



  • Aproveite seu web site

  • Adicione legenda a sua imagem

  • Promoção de engajamento pela página

  • Coerência, por favor



  • E vender significa transformar visitantes em consumidores consumidores! Quando vamos a uma loja física comprar um objeto, invariavelmente temos um vendedor questionando a respeito nossas necessidades e mapeando, dentro do portfólio de produtos dele, quais seriam mais adequados para cada freguês. Se possível, o vendedor nos oferece um objeto de preço elevado do que Planejamento, Assunto, Campanhas E Gestão , promovendo um up-sell.


    Além disso, um excelente vendedor entende quais produtos geram uma venda casada (cross-sell) e consegue, ao desfecho de todo o modo, assegurar a venda e acrescentar o valor do pedido do cliente. No local virtual, não apenas inexistência este personagem, assim como também a competitividade é muito maior. No comércio eletrônico, é bem menos difícil comparar preços, começar uma compra e não finalizar o procedimento (como por exemplo, não pagando um boleto), e comparar especificações de produtos. Somado a isso, há o fator psicológico de adquirir um artefato e não saber se ou no momento em que ele será entregue; se o produto mostrar erro, como acionar a garantia, e várias outras dúvidas que surgem na cabeça dos clientes virtuais.


    Os números crescentes do e-commerce brasileiro chamam a atenção, entretanto no momento em que analisados com mais detalhes e comparados a referências internacionais nos revelam que se vende pouco e mal aqui. Dessa maneira, 2 grandes desafios do e-commerce brasileiro hoje são aumentar as taxas de conversão e o envolvimento com os clientes. Para perceber melhor o que é necessário fazer pra superá-los, vamos falar de ferramentas de conversão, mais especificamente de personalização da experiência de compra. Algo em comum nas lojas com maiores conversões nos EUA é o evento de que todas elas usam alguma ferramenta otimizada de conversão, particularmente um serviço de recomendação personalizada.



Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.